Covid-19

COVID-19

VALOR TERRA NUA 2021 - PARA ITR

Terça-feira, 17 de agosto de 2021

Última Modificação: 31/08/2021 09:29:30 | Visualizada 65 vezes


Ouvir matéria

CLASSES

DESCRIÇÃO

LAVOURA APTIDÃO BOA

(A-I e A-II)

Grupo A- Classe I: terras cultiváveis, aparentemente sem problemas especiais de conservação. Ocupação mais comum no Paraná: Grãos, com altas produtividades.
rupo A- Classe II: terras cultiváveis com problemas simples de conservação. Ocupação mais comum no Paraná: Grãos, com produtividades ainda acima da média.

LAVOURA APTIDÃO REGULAR

(A-III)

Grupo A- Classe III: terras cultiváveis com problemas complexos de conservação Ocupação mais comum no Paraná: Grãos, com produtividades médias.

LAVOURA APTIDÃO RESTRITA

(A-IV)

Grupo A- Classe IV: terras cultiváveis apenas ocasionalmente ou em extensão limitada, com sérios problemas de conservação. Ocupação mais comum no Paraná: Grãos, com produtividades médias e pastagens para a criação de gado de leite.

PASTAGEM PLANTADA

(B-VI)

Grupo B- Classe VI: terras adaptadas em geral para pastagens e/ou reflorestamento com problemas simples de conservação, cultiváveis apenas em casos especiais de algumas culturas permanentes protetoras do solo. Ocupação mais comum: Pastagens para bovino de corte, especialmente em aréas planas a suave onduladas porém frágeis devido a textura arenosa ou a baixa feritilidade.

SIVICULTURA OU PASTAGEM NATURAL

(B-VII)

Grupo B - Classe VII: terras adaptadas em geral somente para pastagens ou reflorestamento, com problemas complexos de conservação: Ocupação mais comum no Paraná: Pastagens degradadas, Pastagens em áreas declivosas e reflorestamentos.

PRESERVAÇÃO DA FAUNA E DA FLORA

(C-VIII)

Grupo C - Classe VIII: terras impróprias para cultura, pastagem ou reflorestamento, podendo servir apenas como abrigo e proteção da fauna e flora silvestre, como ambiente para recreação, ou para fins de armazenamento de água. Ocupação mais comum no Paraná: Vegetação natural.

DESCRIÇÃO RESUMIDA DA METODOLOGIA UTILIZADA:
Utilizaram-se os dados oficiais do Departamento de Economia Agrícola (DERAL) da Secretaria de Estado de Agricultura e Abastecimento publicado em 2019, ajustados para as aptidões agrícolas definidas na Instrução Normativa RFB nº 1.877, de 14 de março de 2019, por meio da Nota Agronômica:
Lavoura aptidão boa (A I e A II);
Lavoura aptidão regular (A III);
Lavoura aptidão restrita (A IV);
Pastagem Plantada (B VI);
Silvicultura ou Pastagem Natural (B VII) e Preservação da Fauna e Flora (C VIII).

Os valores foram ajustados para a data de 01/01/2020 por meio da variação do IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado), utilizando-se o fator 1,073179. Para o ano de 2021, os valores já ajustados foram atualizados utilizando-se o índice oficial do IGPM com valor acumulado de 01/01/2020 à 01/01/2021 de 23,1391%

      

 

 Galeria de Fotos

 Veja Também