ÚLTIMAS NOTÍCIAS / Tempo

Semana com tempo instável marca o início da primavera no Paraná

Segunda-feira, 22 de setembro de 2014


A semana de tempo instável em todo o Paraná marca o início da primavera, que começa oficialmente às 23h29 desta segunda-feira (22). O dia começou com um ar gelado, mas o predomínio do sol favorece para que as temperaturas subam até o início da tarde, segundo a previsão da Somar Meteorologia. Em Curitiba, a máxima deve ser de 20ºC. Já em Londrina, no norte, os termômetros devem oscilar entre 25ºC e 24ºC.

A condição de tempo estável com sol entre nuvens deve parmanecer até quarta-feira (24), quando começa a chover em todo o estado. Ainda conforme a Somar, a chuva pode vir acompanhada de ventos fortes em torno de 60 km/h principalmente nas regiões oeste e sudoeste. Neste dia, as regiões central e campos gerais devem registrar mínimas em torno de 6ºC. A capital também terá um amanhecer gelado com mínima de 13ºC.

A primavera é característica pelo volume intenso de chuvas entre os meses de setembro, outubro novembro. Segundo o Sistema Tecnológico Simepar, a condição é boa principalmente para as regiões Centro-Oeste, Sudeste e interior do Nordeste do país, que sofrem com a escassez de chuvas. No Paraná, as chuvas devem seguir a tendência dos últimos meses com pancadas rápidas e isoladas.

Com a chegada da nova estação, os dias também ficam mais longos já que a radiação solar começa a ficar mais intensa no Hemisfério Sul. Com maior energia na atmosfera, a floresta amazônica entra em maior atividade e distribui mais umidade pelo país. Associada com o calor, essa umidade gera instabilidades com nuvens carregadas, temporais e queda de granizo principalmente durante as tardes em grande parte do Centro e Sul do país.

Durante o período, também há maior proliferação de insetos, já que as flores começam a desabrochar e os animais ficam mais ativos. Já no outono e no inverno, os mesmos insetos costumam descansar e dormir mais, conforme a bióloga Patrícia Higa. Com o início da nova estação, a dica é retomar os cuidados e recorrer aos serviços de dedetização e desratização de ambientes. 

A semana de tempo instável em todo o Paraná marca o início da primavera, que começa oficialmente às 23h29 desta segunda-feira (22). O dia começou com um ar gelado, mas o predomínio do sol favorece para que as temperaturas subam até o início da tarde, segundo a previsão da Somar Meteorologia. Em Curitiba, a máxima deve ser de 20ºC. Já em Londrina, no norte, os termômetros devem oscilar entre 25ºC e 24ºC.

A condição de tempo estável com sol entre nuvens deve parmanecer até quarta-feira (24), quando começa a chover em todo o estado. Ainda conforme a Somar, a chuva pode vir acompanhada de ventos fortes em torno de 60 km/h principalmente nas regiões oeste e sudoeste. Neste dia, as regiões central e campos gerais devem registrar mínimas em torno de 6ºC. A capital também terá um amanhecer gelado com mínima de 13ºC.

A primavera é característica pelo volume intenso de chuvas entre os meses de setembro, outubro novembro. Segundo o Sistema Tecnológico Simepar, a condição é boa principalmente para as regiões Centro-Oeste, Sudeste e interior do Nordeste do país, que sofrem com a escassez de chuvas. No Paraná, as chuvas devem seguir a tendência dos últimos meses com pancadas rápidas e isoladas.

Com a chegada da nova estação, os dias também ficam mais longos já que a radiação solar começa a ficar mais intensa no Hemisfério Sul. Com maior energia na atmosfera, a floresta amazônica entra em maior atividade e distribui mais umidade pelo país. Associada com o calor, essa umidade gera instabilidades com nuvens carregadas, temporais e queda de granizo principalmente durante as tardes em grande parte do Centro e Sul do país.

Durante o período, também há maior proliferação de insetos, já que as flores começam a desabrochar e os animais ficam mais ativos. Já no outono e no inverno, os mesmos insetos costumam descansar e dormir mais, conforme a bióloga Patrícia Higa. Com o início da nova estação, a dica é retomar os cuidados e recorrer aos serviços de dedetização e desratização de ambientes. 

Fonte: G1

 Outras Notícias